du Contra: Que dia!

sábado, 8 de julho de 2006

Que dia!

Nossa, jogar futebol embaixo de sol realmente é para poucos. E definitivamente não estou incluído nessa lista. Tô morto, quebrado, destruído, acabado. Bom mesmo é RPG, ontem teve uma seçãozinha e tamos marcando pra amanhã também. =D

Acabando os dois x-saladas que pedi estou indo deitar, mas mancada seria não postar nem um 'desculpa' por não ter post novo.



Hahaha. Isso é pouco para vocês? Então hoje vai um link.

Pouco? Poxa, a mulher maravilha em versões mais robustas é pouco? Então paga pau pr'esse carro:



Tá me dizendo que isso também é pouco? Então num quer vídeos, nem links, nem jogos chatos?

Estratégias em um Novo Paradigma Globalizado


Por outro lado, a revolução dos costumes nos obriga à análise dos procedimentos normalmente adotados. O empenho em analisar a complexidade dos estudos efetuados possibilita uma melhor visão global das condições financeiras e administrativas exigidas. No entanto, não podemos esquecer que a determinação clara de objetivos faz parte de um processo de gerenciamento da gestão inovadora da qual fazemos parte. É claro que a competitividade nas transações comerciais auxilia a preparação e a composição dos níveis de motivação departamental. No mundo atual, o novo modelo estrutural aqui preconizado agrega valor ao estabelecimento dos relacionamentos verticais entre as hierarquias.

Assim mesmo, a adoção de políticas descentralizadoras obstaculiza a apreciação da importância do sistema de participação geral. Nunca é demais lembrar o peso e o significado destes problemas, uma vez que a constante divulgação das informações cumpre um papel essencial na formulação dos conhecimentos estratégicos para atingir a excelência. Todavia, o julgamento imparcial das eventualidades apresenta tendências no sentido de aprovar a manutenção das diretrizes de desenvolvimento para o futuro.

Neste sentido, o acompanhamento das preferências de consumo afeta positivamente a correta previsão dos índices pretendidos. A prática cotidiana prova que o início da atividade geral de formação de atitudes oferece uma interessante oportunidade para verificação das novas proposições. Acima de tudo, é fundamental ressaltar que o comprometimento entre as equipes pode nos levar a considerar a reestruturação das direções preferenciais no sentido do progresso.

Obrigado.

------

Link e vídeo via OMEdI.

postado por Zeca Daidone - 23:54 -

3 Comentários:

Anonymous Fry o Bardo.:

2 x-saladas que pelo fato de voce pedir coca, nao vieram zuados.

Sim, jogar futebol no sol é coisa de pagodeiro que nao tem nada pra fazer da vida, e nao para programadores de computador.

Amanhe é o dia de Thuatha. de Daman.

julho 09, 2006 12:30 AM

 
Anonymous Facktor:

aeHAEioheAIUEHI..

Esse Cluster...hihi

Daora o video...pena que só vi um pedaço..

;*

julho 09, 2006 12:36 AM

 
Blogger tina harris:

Cluster:

Se você quiser, faz um link do meu último post, se você quiser, é claro. Estou muito contente de ver seu blog ampliar os horizontes e guardar suas promessas.

Um abraço.

julho 09, 2006 1:33 AM

 

Postar um comentário

<< Home

o que era pra ser?

Blog feito para expressar opiniões que eram para ir contra a maioria da sociedade, mas acabam sem expressividade e não expressam nada com expressão mesmo. Então o objetivo é propagar informações e/ou qualquer coisa que talvez não sejam muito informativas, mas o principal e quem sabe até real motivo é servir como uma válvula de escape de uma criatividade extremamente fértil, que infelizmente de vez em quando não é bem direcionada. Por enquanto.

quem acho que sou?

cluster / josé a. daidone neto

Estudante de Engenharia de Computação na UFSCar, 22 anos de idade, inquieto quando era para ficar quieto e quieto quando era para inquietar-se, tenta estar animado mesmo diante dos piores cenários para nosso incerto futuro. Saiba mais aqui

Gosta muito de ler, de computadores, internet, desenhos animados, séries (mas não as numéricas), filmes de ação e de aventura, ama o seu quarto e é viciado em Pink Floyd, mas tem ouvido muita coisa ultimamente.

Não gosta de várias coisas, como por exemplo ter que repetir o que disse após um 'oi?' ou simplesmente perder um gol durante a educação física (isso não existe mais, enfim). Em tempos de universidade, não gosta de ter que dedicar tanto a teoria matemática e perceber que toda sua criatividade e tempo livre cada vez são menores. Também não gosta de ter que lembrar o que não gosta.

siga este caminho

nostálgico passado

li, gostei, recomendo

feed - sirva-se

outros

Powered by Blogger

Image 

hosted by Photobucket.com

BlogBlogs.Com.Br