du Contra: Esse mês, vou te contar

terça-feira, 27 de junho de 2006

Esse mês, vou te contar

O que eu pensava que era pra ser somente um dia ou talvez uma pequena onda de azar, acabou se prolongando muito mais do que esperava. E tenho medo que isso continue cada vez pior.

Quando eu disse que estava com azar, a minha má sorte não era pra ser levada tão a sério. Mas agora to começando a ficar com medo.

Ontem o dia começou muito normal. Prova na primeira aula, Coca-Cola pra matar a sede no 'café da manhã', balas 'Butter Toffees' de menta com chocolate, aulas de matemática e física com puro tédio regados a leitura de livros e notícias (ou blogs) no Palm, enfim, uma manhã quase-perfeita, faltando o pôquer no intervalo e a fabricação de bolinhas de papel (sim, estou sentindo muita falta disso, e tenho um projeto de criação de uma nova 'MÃE', ou talvez 'GRAÇA', mas isso é outra história).


Essa bala foi a sensação mais gostosa que senti ontem!

O problema veio minutos antes de acabar o último módulo, de química. Uma mancha cinza tomou conta de minha visão no olho esquerdo, e foi tomando proporções inimagináveis. Como de costume, logo pensei que estava ficando cego devido a enorme quantidade de açúcar que consumo logo de manhã, mas talvez por sorte eu tenha lembrado (a tempo de ir ao oculista) que isso acontece sempre que vou ter enxaqueca, e é bem normal segundo minha neurologista, diferente do que me alertou um colega: "Você tá com câncer, só pode!".

Maldito dia para dar enxaqueca. Justo quando teria que voltar pra ver se tinha sido dispensado pro tiro de guerra. A dor, como muitos devem saber, é insuportável, e o remédio demora para agir.

Mas fazer o que? Não poderia faltar no tiro de jeito maneira (puta expressão animal de se falar!), então levanto as 15h todo acabado, com a cabeça latejando, e que bom que tenho a carona garantida pela minha mãe até o centro.

Chegando lá, dou sorte pela primeira (e infelizmente única) vez: não há ninguém na minha frente, nenhum sinal de fila. Então digo um 'oi' modesto e, sem ter chance de completar o que a educação manda, a mulher já pega o papel da minha mão e começa a escrever, digitar, grampear, conversar sobre a impressora que está com defeito com a outra mulher, etc.

Segundos sem fim, a cabeça lateja ainda mais forte, e vem as primeiras e únicas palavras dirigidas a minha pessoa: "Volte dia 19 de setembro para o exame médico". Peguei o papel e fui embora, sem nem esboçar um mini-tchau.

Cacete, eu nunca ganhei na rifa, nunca ganhei no bingo (nem sequer uma QUINA), muito menos na mega-sena ou Seleção do Faustão. Eu nunca nem tive o prazer de conseguir ligar e participar do Hugo, aquele programa de TV que se jogava pelas teclas do telefone. Não acertei nenhum resultado no bolão até agora!!!

Todos os meus amigos tiveram a sorte da dispensa logo nessa primeira fase do tiro, mas a probabilidade tinha que ser maldosa comigo. Eu tinha que dar o azar de ser um dos poucos escolhidos entre milhares. PQP!

Para piorar, quando estava descendo a escada que dava pra rua, bati a porra da cabeça no portão de ferro, mania de confiar na minha altura, ou na altura das coisas possível de se socar a cabeça, que por sinal, tá inteira por milagre.

---

Update 28/6: Aê, me convidaram hoje pra participar de uma rifa! Essa é a chance da sorte mostrar que está ao meu lado. Estou concorrendo com o número 42 e posso ganhar um MP3 Player!

Update 29/6: Mas que coisa! No simulado de hoje eu coloquei duas questões erradas no gabarito. Adivinha quantas faltaram pra eu acertar 60% e consequentemente passar no simulado? DUAS UMA!!! Cara, assim não dá, assim não pode. Pior que ainda não consegui pagar a rifa... Do jeito que tá o número 42 vai ser sorteado e não vou poder ganhar por que não paguei a tempo! =\

postado por Zeca Daidone - 22:13 -

4 Comentários:

Blogger tina:

Legal que você cumpre suas promessas. Gostei da redação do post; fiquei com pena da sua dor. Olha só; enxaquecas destroem neurônios. Vá ao seu clínico e peça remédio específico para tomar antes dela se instalar. Também tenho as minhas: falta de grana, entre outros lances. Falei de falta de grana?

junho 28, 2006 5:13 PM

 
Blogger Cluster:

Pois é, a neurologista passou um remédio que pode ser tomado logo quando começo a 'perder' a visão...

Fazia tempo que não tinha, quase um ano. Teve uma época que era quase toda semana, fiz todo tipo de exame, mas parece que é 'normal'.

Mas falta de grana eu também tenho, viu? :P hehehe

junho 28, 2006 7:04 PM

 
Anonymous Facktor:

IAHAiuAHIAUa...mto boas as piadas ^^

junho 28, 2006 7:24 PM

 
Anonymous cavz:

facktor*

se vc acha essas piadas engraçadas é porque vc não viu ainda ele contando a piada do cavalo...meu, essa é felomenal

julho 01, 2006 6:39 PM

 

Postar um comentário

<< Home

o que era pra ser?

Blog feito para expressar opiniões que eram para ir contra a maioria da sociedade, mas acabam sem expressividade e não expressam nada com expressão mesmo. Então o objetivo é propagar informações e/ou qualquer coisa que talvez não sejam muito informativas, mas o principal e quem sabe até real motivo é servir como uma válvula de escape de uma criatividade extremamente fértil, que infelizmente de vez em quando não é bem direcionada. Por enquanto.

quem acho que sou?

cluster / josé a. daidone neto

Estudante de Engenharia de Computação na UFSCar, 22 anos de idade, inquieto quando era para ficar quieto e quieto quando era para inquietar-se, tenta estar animado mesmo diante dos piores cenários para nosso incerto futuro. Saiba mais aqui

Gosta muito de ler, de computadores, internet, desenhos animados, séries (mas não as numéricas), filmes de ação e de aventura, ama o seu quarto e é viciado em Pink Floyd, mas tem ouvido muita coisa ultimamente.

Não gosta de várias coisas, como por exemplo ter que repetir o que disse após um 'oi?' ou simplesmente perder um gol durante a educação física (isso não existe mais, enfim). Em tempos de universidade, não gosta de ter que dedicar tanto a teoria matemática e perceber que toda sua criatividade e tempo livre cada vez são menores. Também não gosta de ter que lembrar o que não gosta.

siga este caminho

nostálgico passado

li, gostei, recomendo

feed - sirva-se

outros

Powered by Blogger

Image 

hosted by Photobucket.com

BlogBlogs.Com.Br